Tuesday, August 19, 2008

Miragem

Anseios, vaporosas ilusões
Que vejo tanto atrás como à frente
Bailando como insólitas visões
Feitas de uma substância inconsistente.

Sentimentos desejam tomar forma
Tentando refletir algo visível
Porém logo a matéria se transforma
E fica em evidência o impossível.

O teor da existência vem da mente
Que cria cada verdade subjetiva
E nos prende a uma vida impermanente.


Quem vê que neste mundo é tudo incerto
Logo abandona a fútil tentativa
De querer achar água no deserto.



Métrica: decassílabos heróicos

Demian Martins©2008, Direitos autorais registrados na Biblioteca National, RJ

No comments:

Post a Comment